Linguagem C – Parte 1 – printf().

Para acompanhar o tutorial é necessario um compilador da linguagem C/C++ sugiro o Dev c++ que é gratuito e pode ser baixado no link abaixo:

http://sourceforge.net/projects/dev-cpp/files/Binaries/Dev-C%2B%2B%204.9.9.2/devcpp-4.9.9.2_setup.exe/download

No site da PUC, há um bom tutorial ensinando a utilizar a ferramenta.

http://www.inf.pucrs.br/~pinho/LaproI/DevC/Dev.html

Começando pelo começo!

1- Fazendo um programa que escreve qualquer coisa na tela….

 

#include <stdio.h>

int main(){

printf (“OI TURMA”);

}

Esse programinha vai imprimir uma msg na tela e vai fechar igual um relâmpago, por isso vamos ter de acrescentar mais algumas linhas…

#include <stdio.h>
#include <stdlib.h>

int main(){

printf (“OI TURMA”);

system(“pause”);
return 0;
}

Agora sim! Vamos a explicação

#include <stdio.h> Essa linha significa que estamos incluindo (#include<>) um arquivo em anexo com nosso programa.

Esse arquivo e o stdio.h esse arquivo e o responsável por “ensinar” ao
compilador como ele deve proceder para escrever um texto na tela, como ele deve proceder para ler uma letra no teclado, sem ele o comando PRINTF não poderia ser executado. Tente compilar o programa acima sem utilizar o #include <stdio.h> e você verá um erro.

No exemplo acima eu usei duas bibliotecas são elas:

stdio.h

std = standart – em português, padrão
i = input – em português entrada
o = output – em português saída

stdlib.h
std = standart – em português padrão
lib = library – em português biblioteca, essa biblioteca permite que você use
comandos do DOS, para quem não conhece o dos ele e um sistema operacional de linha de comando predecessor do Windows.

Depois de escolher as bibliotecas eu chamei a função main, ela e a principal função do programa e deve estar presente nele obrigatoriamente.( Até onde eu conheço a main só e obrigatória na linguagem C utilizada para PCS, ou tecnicamente no C para X86)

int main(){

Comandos

}

Reparem que essa declaração não tem ponto e virgula, pois ela delimita o inicio e o fim de um bloco de instruções. O “}” no final do bloco faz as vezes do ponto e virgula

O int usado na definição da função main significa que a função main espera um resultado “inteiro” por isso que no final do programa nos enviamos um return 0; como zero é um numero inteiro a função termina sem erros!

Dentro da função main eu escrevi outros comandos um deles e o “printf”, o printf vem do inglês também conforme explicação abaixo.

printf – comando de saída formatada
– print – em português significa imprimir. Historicamente servia para imprimir na stdout (std = standart que é padrão, out saída, ou seja na saída padrão.). Hoje em dia a saída padrão de todos os PCs e o monitor, mas antigamente era a impressora.
– f – vem de format que significa formatado. Isso e porque os tipos de dados que saem impressos através dessa função vão formatados de acordo com os caracteres de controle que você usa.

Inicialmente pense no printf como o comando que vc usa para escrever na tela

Abaixo vou mostrar o uso do comando printf, o que ta de vermelho e obrigatório;

printf (“ Aqui você pode digitar qualquer texto “);

No caso se eu usasse esse comando ele imprimiria na tela:

Aqui você pode digitar qualquer texto

A frente eu vou falar mais sobre esse comando.

Por ultimo o comando system (“pause”).

Esse comando serve para paralizar o sistema até que alguma tecla seja pressionada. Ele só e possível usar se vc usar a biblioteca stdlib.h do c ou a biblioteca iostream do c++.

O comando system(“”) envia uma msg ao sistema operacional, se você retirar por exemplo o “pause” e no lugar colocar “notepad”, ele vai abrir o bloco de notas para você.

Abaixo segue alguns exemplos para fixar esses comandos.

 

#include &lt;stdio.h&gt;
#include &lt;stdlib.h&gt;

int main(){

printf (“OI \n TURMA \n COMO VAI \n ”);

system(“pause”);
return 0;
}

 

#include &lt;stdio.h&gt;
#include &lt;stdlib.h&gt;

int main(){

printf (“OI \t TURMA \t COMO VAI \t ”);

system(“pause”);
return 0;
}

 

#include &lt;stdio.h&gt;
#include &lt;stdlib.h&gt;

int main(){

printf (“OI TURMA COMO VAI ”);

system(“pause”);
return 0;
}

 

#include &lt;stdio.h&gt;
#include &lt;stdlib.h&gt;

int main()
printf (“OI TURMA COMO VAI ”);
printf (“OI TURMA COMO VAI ”);
printf (“OI TURMA COMO VAI ”);
printf (“OI TURMA COMO VAI ”);
system(“pause”);
return 0;
}

 

#include &lt;stdio.h&gt;
#include &lt;stdlib.h&gt;

int main(){

printf (“OI TURMA COMO VAI \t”);
printf (“OI TURMA COMO VAI \n”);
printf (“OI TURMA COMO VAI \t”);
printf (“OI TURMA COMO VAI \n”);

system(“pause”);
return 0;
}

Até a parte 2!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Please type the characters of this captcha image in the input box

Por favor, digite os caracteres desta imagem na caixa de entrada