Da série “O que não fazer no seu projeto de Drone”

Bom queria ter boas noticias para colocar no Blog, mas hoje foi um fracasso, logo nos primeiros testes queimei dois motores e acredito que um dos ESCs. Provavelmente o motor que veio no helicoptero não aguentou a pressão.

Para quem deseja empreender esse projeto, aconselho, evite ao máximo fios. Desenvolva uma placa de circuito impresso para seu projeto utilize os menores terminais que conseguir.

Bom, agora é comprar novos motores para queima-los   testa-los. Quanto aos esc bora testar pra ver se estão funcionando…

Antes…

Hewlett-Packard

Depois…

O que restou foi a bagunça…

Hewlett-Packard

O ESC  torrado…

Hewlett-Packard Hewlett-PackardMas…

Continua!!!

Uma ideia sobre “Da série “O que não fazer no seu projeto de Drone””

  1. Bom dia, referente ao que não fazer com um drone e referente às baterias, tive uma dúvida:
    Comprei um drone (http://www.dx.com/pt/p/yd-at-788-avatar-four-shaft-2-4ghz-six-channel-remote-control-aircraft-black-red-yellow-266699#tabProInfo) que vem com bateria li-ion de 650mAh e achei o tempo de funcionamento baixo (6 min de vôo para 1h de carregamento). Com isso, atribuí essa baixa autonomia à bateria pequena e decidi comprar uma bateria maior, de li-po com 4000mAh (http://www.dx.com/pt/p/mystery-7-4v-4000mah-35c-replacement-li-poly-battery-pack-for-rc-helicopter-boat-blue-41209#.U5WddXJdWAp) mas não consigo encontrar nenhuma informação referente a troca dos tipos de baterias. Existe algum problema em colocar a bateria de li-po no lugar da bateria de li-ion? Há possibilidade de queimar algum circuito por causa da maior capacidade energética? Sou leigo nessa área e preciso de ajuda.
    Obrigado pela atenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Please type the characters of this captcha image in the input box

Por favor, digite os caracteres desta imagem na caixa de entrada